Por:

MPRJ realiza evento em Volta Redonda sobre educação inclusiva

Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro | Foto: Divulgação

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), promoveu, nesta quarta-feira (22/11), o evento “Diálogos sobre Educação Inclusiva”, organizado pela 3ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Volta Redonda e realizado no Centro Regional de Apoio Administrativo Institucional (CRAAI) do município. O evento promoveu a troca de informações entre os municípios da Região Sul Fluminense, que compartilharam práticas de educação inclusiva.

O promotor de Justiça Leonardo Kataoka, titular da 3ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Volta Redonda, abriu o debate. "Esse encontro é muito importante para possibilitar a troca de experiências sobre iniciativas exitosas pelos municípios participantes relacionadas à educação inclusiva, fortalecendo a implementação dessa política pública por meio do diálogo", avaliou Kataoka, idealizador do evento.

Também participaram da abertura os promotores de Justiça Luís Fernando Ferreira Gomes, titular da 2ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva do Núcleo Barra do Piraí, e Carolina Maria Gurgel Senra, coordenadora do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça Cíveis e Pessoa com Deficiência (CAO Cível Pdef/MPRJ); a defensora pública Flávia Mac Cord, o 2º Núcleo Regional de Tutela Coletiva, e o deputado estadual Munir Neto, da Comissão de Pessoa com Deficiência da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (ALERJ).

As secretarias municipais de Educação de Volta Redonda, de Barra Mansa e de Resende discutiram, respectivamente, os seguintes temas: Autismo e Inclusão Escolar: Desafios da Inclusão do Aluno com TEA; A Importância da Construção do Plano de Aprendizagem Diferenciada (PAD); A Educação de Alunos Cegos e Surdos. Por fim, debateram a proposta de criação do Fórum Sul Fluminense de Educação Inclusiva.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.