A 7ª edição da Ação Social Povo das Águas vai atender os ribeirinhos da Parte Alta do Pantanal corumbaense. O trabalho, que é realizado pela Prefeitura de Corumbá e coordenado pela Secretaria Especial de Cidadania e Direitos Humanos, começa neste domingo, 30 de setembro, na região da Ilha Verde e do Paraguai Mirim.

Na Ilha, o atendimento acontece das 8h às 12 horas no Porto Santa Catarina. No Paraguai Mirim, a equipe multidisciplinar estará da fazenda Ilha Verde, das 14h às 18 horas. Na segunda-feira, dia 1º de outubro, os moradores do São Francisco e Mato Grande serão assistidos no Porto da Associação de Moradores do São Francisco entre às 8h e 12 horas.

Matéria continua após a publicidade

No mesmo dia, das 15h às 17 horas, o atendimento acontece no Porto Bonfim e no Porto São Pedro. Na terça-feira, 2 de outubro, os servidores da Prefeitura estarão na Escola Municipal Rural de Educação Integral – Pólo São Lourenço e Extensões, onde serão atendidos as famílias que residem na Serra do Amolar e na Barra do São Lourenço.

Na quarta-feira, 3, das 8h às 13 horas, o atendimento será no Porto Mangueiral e Porto Novo Horizonte, das 8h às 13 horas. Na quinta-feira, dia 4, os trabalhos acontecem no Porto do Zequinha, das 8h às 13 horas, onde estarão os ribeirinhos da Região do Castelo, e no Porto Maracangalha, das 16h às 18 horas, atendendo as famílias do Domingos Ramos.

Na sexta-feira, 5, serão assistidos os ribeirinhos do Porto do Tuiuiú, Piuval e Capim Gordura. O Povo das Águas reúne servidores das secretarias municipais de Saúde, Assistência Social, Educação, Secretaria Especial de Cidadania e Direitos Humanos, Defesa Civil e da Secretaria Especial de Agricultura Familiar, além de profissionais voluntários.

Matéria continua após a publicidade

6ª edição

A 6ª edição do Povo das Águas, realizada na região do Baixo Pantanal entre os dias 20 e 25 Agosto, a Prefeitura de Corumbá realizou 267 atendimentos médicos, 312 procedimentos de enfermagem, 189 atendimentos odontológicos e foram entregues 300 escovas de dente e seis aplicações de flúor.

Outras 117 pessoas receberam 213 doses de vacinas diversas, inclusive da gripe. Também foram imunizados 73 animais contra a raiva. Mais 93 pessoas receberam atendimentos individuais de fisioterapia, 48 de acupuntura e mais 17 grupos também fizeram a ação. Todos os portos receberam palestras sobre o Agosto Lilás/Lei Maria da Penha.

O CRAS Itinerante e a Defesa Civil atenderam 202 famílias. Já na área educacional, 107 crianças participaram de atividades lúdicas e pedagógicas. 136 pessoas foram beneficiadas com a doação de roupas e calçados. Foram executados ainda 47 cortes de cabelos e 158 orientações sobre plantio e distribuição de medidas de sementes de rúcula, abóbora, pimentão, alface, coentro, salsa e couve folha.

Defesa Civil e Assistência Social prestavam serviços e realizavam o cadastro das famílias ribeirinhas. / Imagem: Nathalia Claro

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos