Alunos de Direito da PUC-Rio praticaram ato de racismo contra outros estudantes durante os Jogos Jurídicos de Petrópolis. Em uma denúncia realizada em rede social, alunos teriam jogado uma casca de banana contra o time da UCP (Universidade Católica de Petrópolis), além de imitar macacos quando o time do Direito Uerj entrava em campo.

No jogo de handbol feminino, contra a UFF (Universidade Federal Fluminense), também houve manifestação racista. Uma atleta da federal fluminense foi chamada de MACACA por uma aluna da PUC-Rio.

Matéria continua após a publicidade

"Muito triste e revoltante o que está acontecendo nos Jogos Jurídicos. Alunos (no plural) da PUC-Rio, para provocar o Direito-UERJ, saíram do ginásio imitando macacos. Ontem, outro estudante de lá jogou uma casca de banana contra uma atleta negro da UCP. Casos de polícia", escreveu um universitário da Uerj. 

A organização do evento puniu a PUC com uma multa de R$ 500 e um jogo sem torcida. Alunos da Uerj registraram o caso na 105ª DP (Petrópolis). Uma manifestação está programada para esta segunda-feira por alunos da instituição estadual. Na Gávea, estudantes de um coletivo negro da instituição onde estudam os acusados de racismo vão realizar um protesto na terça-feira. 

Os episódios repercutiram muito nas redes sociais e uma enxurrada de críticas foram direcionadas aos autores dos crimes. Uma professora de Direito da PUC-Rio foi uma das que pediu punição para os alunos que cometeram os atos. 

Matéria continua após a publicidade

Em comunicado, o professor Ricardo Lodi Ribeiro, diretor da Faculdade de Direito da Uerj, se solidarizou com as vítimas, destacando que no “Estado Democrático de Direito não são mais admissíveis atos como estes, em especial vindo de estudantes de Direito, o que exige, considerando ser a prática criminosa, que sejam amplamente investigados e, assegurado o contraditório e a ampla defesa, sejam os culpados exemplarmente punidos para que tais condutas abomináveis não voltem a acontecer no ambiente universitário”.

 

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos