O interesse de ajudar e acolher os refugiados na cidade de Corumbá movimentou três alunos do Ensino Médio do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) a desenvolverem um projeto que já está ganhando visibilidade.

Os alunos Laísa Elena de Barros Monteiro, Narjara Catherine de Arruda Aréco e Marcelo de Souza Arruda estão concorrendo ao prêmio de melhor projeto na 17º edição da Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (FEBRACE).

Matéria continua após a publicidade

Orientados pelos professores José Augusto Albuquerque Rabelo e Renilce Miranda Cebalho Barbosa, os jovens pesquisadores inscreveram o projeto “Em questão: português como língua de acolhimento para refugiados em contexto corumbaense” que busca desenvolver a língua portuguesa como mecanismo de integração social de refugiados na cidade de Corumbá.

Por meio de estudo da relação sujeito, história e língua, o projeto dos alunos do IFMS tenciona fomentar a ampliação de políticas públicas de ensino da língua portuguesa como língua de acolhimento de refugiados no município de Corumbá.

Matéria continua após a publicidade

O projeto já está disponível para votação on-line. Quem desejar conhecer e dar uma grande força aos estudantes e à pesquisa, basta acessar AQUI e apertar no botão “curtir”.

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos