A polícia procura o suspeito de esfaquear três pessoas da mesma família, entre elas uma criança de 11 anos que teve a orelha decepada, na noite desta quinta-feira (19) em Campo Grande. As vítimas, pai, mãe e filho, foram socorridos para a Santa Casa de Campo Grande com ferimentos graves.

De acordo com a delegada Franciele Candotti Santana, plantonista da Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Piratininga, o autor do crime trabalhava para a vítima e teria ido a residência da família pedir dinheiro, mas uma discussão teria começado entre ele e o patrão.

Matéria continua após a publicidade

Durante a briga, o homem - de nacionalidade paraguaia - sacou uma faca e esfaqueou o patrão, a esposa dele e o filho de 11 anos, antes de fugir do local. O homem sofreu um corte profundo no pescoço, foi socorrido em estado grave e levado para a Santa Casa.

Segundo a delegada, a vítima perdeu cerca de 70% de sangue do corpo, passou por cirurgia e está sedado. A criança teve a orelha decepada e também foi internada. Os ferimentos sofridos pela mulher não foram divulgados, mas ela estaria estável.

Ainda conforme Candotti, as famílias do autor e das vítimas são “muito próximas” e originais de Bela Vista. “Inclusive foi o patrão quem trouxe o autor para trabalhar em Campo Grande”, detalhou a delegada. Investigadores da Polícia Civil foram ao hospital conversar com as vítimas, mas a motivação do crime ainda não foi confirmada. O suspeito está foragido, não teve o nome divulgado e é procurado pela polícia.

Matéria continua após a publicidade

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos