Dinheiro e drogas foram achados nas casas / Imagem: Dourados News

Boca de fumo e uma casa de apoio ao tráfico, comandadas por avó e neta, foram fechadas por policiais militares da ALI (Agência Local de Inteligência) e Força Tática em Dourados.

Os pontos da criminalidade, segundo o site local Dourados News, eram um imóvel, que serve como base das suspeitas, na rua Fernando Ferrari, e o ponto de comercialização, na rua Brasil, ambas na região do João Paulo II. A curiosidade é que as duas residências ficavam distante poucas quadras do 3º Batalhão de Polícia Militar e da delegacia do 2º Distrito Policial.

Matéria continua após a publicidade

Após investigações policiais se deslocaram até os endereços e flagraram Arminda Palácio, 62, e Juciane Palácio, 18. Com eles havia 83 gramas e mais 18 papelotes de pasta base de cocaína, além de R$ 2.855, balança de precisão e um mostruário de semijoias sem procedência.

Durante a abordagem realizada na tarde de ontem (30), a idosa preparava as porções para a comercialização em um dos quartos da boca de fumo, enquanto a jovem, flagrada na outra casa, tentava esconder o entorpecente no interior do fogão.

Os policiais militares ainda apreenderam um extrato de conta bancária de Arminda, apresentando movimentação financeira de R$ 30.449 em uma semana. A suspeita é de que o ponto de comercialização era alvo de grandes negociações do tráfico.

Matéria continua após a publicidade

Avó e neta foram autuadas em flagrante pelo crime.

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos