Após ter a morte confirmada em um hospital de Foz do Iguaçu, no Paraná, um bebê de 48 dias foi encontrado chorando em um necrotério da cidade cinco horas depois.

Os pais de Theo, como era chamado o bebê, registraram um boletim de ocorrência no no último domingo (12) relatando o caso. Gabriela Moraes, mãe do bebê, disse que levou o filho ao hospital pois ele estava sentindo desconforto abdominal e refluxo após ingerir uma fórmula à base de leite em pó, receitada pelo pediatra para ajudar a ganhar peso.

Matéria continua após a publicidade

“Ele estava tomando soro no meu colo e de repente começou a chorar muito de dor e apagou no meu colo, parou de respirar”, relatou a mãe.

Foi quando a equipe médica tentou fazer a reanimação de Theo por 40 minutos, mas acabou declarando a morte do bebê por broncoaspiração (Condição em que alimentos, líquidos, saliva ou vômito são aspirados pelas vias aéreas).

Matéria continua após a publicidade

Porém funcionários do necrotério escutaram o choro de Theo horas depois e após saber que o filho estava vivo, os pais decidiram transferi-lo para outro hospital. Apesar dos esforços, a criança morreu na segunda-feira (13) após sofrer duas paradas cardíacas. A Polícia Civil investiga o caso.

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos