Ex-parlamentar está inelegível por 8 anos / Imagem: Agência Senado

O ex-senador Delcídio do Amaral, voltou a ser cogitado nos bastidores da política, como um dos prováveis nomes para disputar as eleições municipais em Corumbá.

Recentemente uma afirmação do Deputado Estadual Neno Razuk, presidente regional do PTB, revela o interesse Delcídio do Amaral em disputar as eleições em 2020. Segundo informações Delcídio do Amaral estaria em tratamento de saúde em São Paulo.
Delcídio do Amaral Gómez, 64 anos é engenheiro e político, ex-ministro de Minas e Energia e ex-senador pelo Partido dos Trabalhadores por Mato Grosso do Sul. Foi líder no Senado pelo PT. Atualmente é filiado ao Partido Trabalhista Cristão (PTC).

Matéria continua após a publicidade

Delcídio do Amaral

Como Engenheiro eletricista, participou da construção e montagem da Usina de Tucuruí, no Pará. Foi ministro de Minas e Energia no governo Itamar Franco e diretor da Petrobras no governo FHC.
Foi preso em flagrante em 25 de novembro de 2015 acusado de obstruir as investigações da Operação Lava Jato e supostamente tentar impedir uma delação premiada do ex-executivo da Petrobras, Nestor Cerveró, e em 21 de julho de 2016, foi denunciado pelo Ministério Público Federal em Brasília por obstrução à justiça na Lava Jato.

Prisão

Em 28 de julho de 2016, o MPF pediu novamente a prisão de Delcídio por descumprir as regras impostas pelo Supremo Tribunal Federal.
Em maio de 2016, teve o mandato de Senador cassado por 74 votos a favor, uma abstenção, nenhum voto contrário, tornando-o inelegível por 11 anos.

Absolvição

Matéria continua após a publicidade


Em 12 de julho de 2018, foi absolvido, pela Justiça Federal, e registrou sua candidatura a uma vaga no Senado Federal pelo Mato Grosso do Sul em 17 de setembro de 2018. No entanto, em 7 de outubro, não obteve os votos necessários para se eleger.

Eleições 2020


Além de Delcidio do Amaral, existe nomes em destaque no atual cenário político de corumbá, tais como o da Deputada Federal que na última pesquisa feita pelo Instituto Ranking Comunicação e Pesquisa apontou Bia Cavassa com 10.20% das intenções de votos espontâneos para prefeitura de Corumbá já em segundo lugar apareceu o Deputado Estadual Evander Vendramini com 7% das intenções.

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos