O MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) abriu processo seletivo com vagas para estagiários do nível médio, superior e pós-graduação. As bolsas chegam ao valor de R$ 1,8 mil e candidatos podem se inscrever até o dia 23 de junho.

Em Corumbá, as vagas são para alunos do Ensino Médio, e dos cursos de Serviço Social e Direito. E também, há vagas para bacharéis em Direito e para bacharéis que estejam cursando Pós-Graduação na área. Também há vagas para assistentes sociais.

Matéria continua após a publicidade

A carga horária para os estagiários de nível superior/pós-graduação será de 30 (trinta) horas semanais, divididas em 6 (seis) horas diárias, das 12h às 18h e, excepcionalmente, em horário diverso, com a anuência do membro do Ministério Público, com bolsa-auxílio no valor de R$ 1.800,00 (mil e oitocentos reais).

Para os estagiários de cursos de graduação em Direito, especificamente, carga horária de 20 (vinte) horas semanais, divididas em 4 (quatro) horas diárias, com bolsa-auxílio no valor de R$ 743,91 (setecentos e quarenta e três reais e noventa e um centavos).

Para os estagiários dos demais cursos de graduação (Serviço Social, no caso de Corumbá) que cumprirem 5 (cinco) horas diárias ou 25 (vinte e cinco) horas semanais, a bolsa-auxílio terá o valor de R$ 855,50 (oitocentos e cinquenta e cinco reais e cinquenta centavos).

Matéria continua após a publicidade

A carga horária para os estagiários do nível médio será de 20 (vinte) horas semanais, divididas em 4 (quatro) horas diárias, com bolsa-auxílio no valor de R$ 646,88 (seiscentos e quarenta e seis reais e oitenta e oito centavos).

O Edital completo pode ser acessado aqui.

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos