Quem usa internet no celular pode ter percebido que a velocidade de conexão 4G diminuiu. Em um ano, as quatro principais operadoras brasileiras tiveram reduções das médias de velocidade entre os dias 1º de setembro e 29 de setembro de 2018, em relação ao mesmo período de 2017. Os dados são do novo relatório da consultoria OpenSignal, que contém informações de mais de 395 mil usuários.

A queda mais acentuada foi da operadora Vivo. Ela passou de 22,71 megabits por segundo para 20,9 megabits por segundo. Outra mudança no ranking foi a perda da terceira colocação da Oi para a TIM–que detém o título de melhor disponibilidade de rede 4G no Brasil, segundo a OpenSignal.

Matéria continua após a publicidade

O relatório foi elaborado com base em dados das 13 maiores cidades brasileiras: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Brasília, Fortaleza, Porto Alegre, Manaus, Maceió, Goiânia, Salvador, São Luís e Recife. O município com melhor velocidade de internet foi Belo Horizonte, onde a Claro conseguiu médias de download de 31 Mbps.

A OpenSingal ressalta que houve aumento na disponibilidade de 4G no Brasil, mas que a frequência de 700 MHz – liberada com o fim da TV analógica – ainda não foi totalmente aproveitada. Por sua natureza distinta, ela permite que o sinal de internet chegue mais longe em áreas rurais e chegue também a prédios em centros urbanos onde antes a qualidade da internet móvel não era boa.

Apesar das reduções de velocidade, a operadora Claro se destacou no relatório por ter o melhor serviço mobile para reprodução de vídeos (considerando velocidade de carregamento de vídeos e travamentos).

Matéria continua após a publicidade

A disponibilidade de 4G no país, por outro lado, aumentou. Quem mais cresceu nesse ponto foi a Claro, que subiu quase dez pontos percentuais ao longo do ano passado.

Em linhas gerais, os dados da OpenSignal indicam que a TIM é a operadora com melhor serviço de internet móvel no Brasil atualmente.

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos