A senadora sul-mato-grossense Simone Tebet comentou a suposta intenção de Renan Calheiros, ex-presidente do Senado e seu colega de bancada pelo MDB, de expulsa-la do partido após demonstração de apoio e também voto em Davi Alcolumbre (DEM-AP) para a presidência do Senado. Em nota, Simone deixou claro que se sua decisão em não apoiar Renan, que buscava reeleição, “significar expulsão”, ela é quem pedirá para sair.

“Se o MDB, meu partido, não só renega o passado, fazendo tudo ao contrário do que o passado diz, mas quer fazer dele um partido de poucos, então, não serei eu expulsa, eu é que pedirei para sair, porque não mais encontrarei nele os ideais de Ulysses Guimarães, de Tancredo Neves, de Pedro Simon, de Ramez Tebet”, afirma Simone em nota.

Matéria continua após a publicidade

A senadora aproveitou para rebater críticas em relação a sua decisão.

“Eu não fico num partido que tenha apenas democrático ou democracia no nome, democracia se faz na diferença, não no absoluto. Se por ter votado contra Renan Calheiros, ter criado a estrutura para garantir a vitória de Davi Alcolumbre na presidência do Senado significa a expulsão do MDB, não precisam se incomodar, eu serei a primeira a sair”, disse a senadora.

A suposta ameaça de Renan Calheiros foi divulgada pela Folha de São Paulo, na tarde deste sábado (2). Segundo o jornal, o companheiro de partido teria ficado irritado com a oposição da colega de bancada a sua candidatura à presidência do Senado, Renan fez chegar a caciques do partido que quer a expulsão de Simone Tebet.

Matéria continua após a publicidade

O conflito entre os dois senadores do MDB começou ainda na fase de indicação do candidato do partido para concorrer à presidência. Simone articulou o lançamento de diferentes nomes para a sucessão do Senado em uma frente “anti-Renan”, apontando que o parlamentar alagoano já presidiu a casa em quatro ocasiões e foi alvo de diversas denúncias, que inclusive já o levaram a renunciar ao posto. Ainda assim, Renan venceu a disputa interna por 7 votos a 5.

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos