Um pedreiro de 34 anos procurou a polícia na noite dessa segunda-feira (12), após ser agredido pela ex-mulher no serviço dele, em Dourados, região sul do estado. Segundo a ocorrência, a mulher de 28 anos, chegou ao local sem falar nada e usou uma pá para agredir o ex-companheiro.

De acordo com a polícia, a vítima foi atingida por um golpe da ferramenta na região das costas. A mulher ainda tentou golpeá-lo outras vezes, mas ele conseguiu sair do local.

Matéria continua após a publicidade

Segundo o boletim ocorrência, o homem disse que depois das agressões, a mulher pegou a motocicleta dele e foi embora. Ele conta ainda que se separou dela na última sexta-feira (9), devido as constantes discussões.

Em depoimento à polícia, o pedreiro disse que na última briga do casal, a suspeita falou que iria matá-lo com uma facada no peito, enquanto dormia. Ele acredita que as discussões se intensificaram por conta da motocicleta. No último desentendimento, a mulher ainda danificou uma mesa de mármore da obra onde ele presta serviço.

O proprietário de onde o homem trabalha compareceu à delegacia e disse que não deseja representar contra a autora, mas por conta das agressões, ela poderá responder pelo crime de lesão corporal dolosa.

Matéria continua após a publicidade

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos