Faculdade de Medicina será em área localizada ao lado do IFMS, no Parque Urbano

A Câmara Municipal de Vereadores autorizou a Prefeitura a conceder direito real de uso de uma área para instalação da faculdade de Medicina em Corumbá, que será implantada pelo Centro de Ensino Superior de Maringá Ltda (Cesumar).

A aprovação ocorreu no final da tarde de ontem, quarta-feira, 17 de julho, durante sessão extraordinária, com voto favorável dos 12 vereadores presentes: Roberto Façanha, Tadeu Vieira, Gaúcho da Pró-Art, Manoel Rodrigues, Yussef Salla, André da Farmácia, Luciano Costa, Chicão Vianna, Cristóvão Contador, Bira, Paulo Bertini e Gabriel Alves de Oliveira.

Matéria continua após a publicidade

A área em questão fica localizada na Rua Pedro de Medeiros, no Bairro Popular Velha, ao lado da sede do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul, dentro do Parque Urbano Zumbi dos Palmares.

A concessão do direito real de uso, a título gratuito, conforme o Projeto de Lei encaminhado pelo Poder Executivo e aprovado por unanimidade na Câmara, será pelo tempo em que perdurar o desenvolvimento das atividades acadêmicas – graduação de Medicina.

A aprovação da cedência da área só foi possível com a aprovação de um outro Projeto de Lei do Executivo, que alterou a Lei 2.084, de 19 de dezembro de 2008, permitindo o desmembramento do Parque Municipal Zumbi dos Palmares.

Matéria continua após a publicidade

“É de extrema importância para a cidade de Corumbá para construção da sede do Campus da Faculdade de Medicina, tanto que o Projeto de Lei foi aprovado por 12 dos 15 vereadores dessa Casa de Leis”, enfatizou o presidente do Legislativo, Roberto Façanha, lembrando que somente três não participaram devido a viagens.

A implantação do curso de Medicina em Corumbá foi confirmada pelo pró-reitor de Planejamento e Desenvolvimento da Cesumar, Marcos Antônio Silva, durante um encontro com o prefeito Marcelo Iunes no início de junho. De imediato, serão oferecidas 55 vagas.

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos