Familiares pretendem acionar a justiça . / Imagem: Divulgação

A família do Aquidauanense Leandro Martinez Viana está constrangida com série de notícias falsas que circulam pela internet utilizando de forma inapropriada uma foto dele, que já faleceu. A "fake news" publicada no site Whatsdiário usa a imagem da vítima para ilustrar a condição de um homem que pediu aposentadoria por invalidez depois de alegar problemas com o tamanho de seu órgão reprodutor. O conteúdo é inverídico.

De acordo com o site O Pantaneiro, familiares pretendem acionar a justiça e pedir reparos por danos morais. Segundo Vanessa Martinez Viana, irmã de Leandro, a mãe é quem mais sofre. "Essa reportagem falsa mancha a imagem do meu irmão e só faz a gente sofrer mais. Minha mãe chega a passar mal. Por isso, gostaria de pedir que as pessoas não compartilhassem mais estas notícias", disse.

Matéria continua após a publicidade

Leandro era casado e pai de duas meninas, trabalhava com construção civil e estava em uma fazenda na região de Terenos no dia 07 de janeiro, em lazer com a família, quando morreu. Ele teria mergulhado uma vez no córrego Ceroula e, na segunda tentativa, ficou submerso e não retornou. O corpo foi encontrado dias depois pelo Corpo de Bombeiros.

Matéria continua após a publicidade

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos