O Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) deflagrou na manhã desta sexta-feira (30) em Campo Grande, a Operação Reagente, contra fraude em licitação em equipamentos médicos e corrupção.

Ao todo serão cumpridos 17 mandados, três de prisão e 14 de busca e apreensão.

Matéria continua após a publicidade

Segundo o Gaeco, equipes estão cumprindo na operação Reagente 3 mandados de prisão preventiva e 14 de busca e apreensão.

Matéria continua após a publicidade

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos