A alteração da lei passa a valer a partir de hoje (17). / Imagem: Ilustrativo

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) prorrogou o fim do mandato de diretor e diretor-adjunto da Rede Estadual de Ensino para dezembro de 2019. Lei de 2007, que estabelece as eleições nas escolas estaduais, foi alterada pelo Executivo estadual.

De acordo com a publicação feita em Diário Oficial do Estado desta terça-feira (17), os diretores e adjuntos que foram eleitos para os triênios de janeiro de 2016 a dezembro de 2018 e de julho de 2016 a junho de 2019, terão seus mandatos prorrogados até dezembro de 2019.

Matéria continua após a publicidade

Essa prorrogação deve ser expressa pelo próprio diretor e adjunto, com 90 dias de antecedência do término da gestão. A alteração da lei passa a valer a partir de hoje.

Matéria continua após a publicidade

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos