Um homem foi preso por roubar mil calcinhas e 45 sutiãs, em Turmalina, cidade do interior de Minas Gerais. A polícia encontrou as peças íntimas escondidas do quarto da casa do rapaz, de 41 anos, que já foi detido em 2015 pelo mesmo crime.

De acordo com a Polícia Militar, é possível dizer, com base no número de peças apreendidas, que muitas das 8.800 mulheres que vivem no município já foram vítimas do ladrão de calcinhas. Na primeira vez em que foi preso, ele havia roubado 301 peças íntimas, em Capelinha, cidade vizinha de Turmalina.

Matéria continua após a publicidade

Ainda segundo a PM, as calcinhas e os sutiãs foram encontrados em diferentes lugares do quarto do homem, como embaixo da cama, dentro do colchão e no guarda-roupas. Havia roupas íntimas novas e usadas, de várias cores e modelos.

Matéria continua após a publicidade

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos