Um morador de Cáceres (MT) procurou a delegacia para registrar um boletim de ocorrência inusitado. No BO, M.F.F. relata que “é corno dos grandes” e decidiu buscar ajuda na Polícia Civil após chegar em casa e flagrar a esposa mantendo relação sexual com outro homem.

O boletim de ocorrência foi feito com termos chulos e palavras grosseiras em relação ao suposto comportamento da mulher do morador, além de conter vocabulários normalmente encontrados no linguajar mato-grossense.

Matéria continua após a publicidade

A Polícia Civil confirmou que o boletim de ocorrência foi feito pelo marido na delegacia, que assinou e concordou com o que foi dito. O documento foi classificado como ‘natureza atípica’. Por isso, não gera nenhum procedimento policial, já que a situação narrada não é considerada crime pela justiça.

Vale lembrar que a prática de adultério foi descriminalizada no Brasil há 12 anos

Matéria continua após a publicidade

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos