Uma briga de família acabou com uma idosa de 63 anos e sua sobrinha de 31, feridas após se desentenderam por conta da construção de uma porta, em Três Lágoas (MS), na quinta-feira (30). Segundo a polícia, a tia ficou com lesões no rosto e a mulher nas costas.

De acordo com a ocorrência, a idosa estava acompanha da irmã que tem a mesma a idade. Essa última era dona do terreno e doou para a filha, onde está sendo construído um escritório de engenharia. A porta a ser instalada no local foi o motivo da briga.

Matéria continua após a publicidade

Segundo o boletim de ocorrência, a duas foram levadas para a delegacia. A idosa ficou nervosa depois que uma escrivã pediu para ela sentar e aguardar ser ouvida, já que o caso tratava de lesões corporais recíprocas entre familiares.

De acordo com outro boletim de ocorrência, registrado pela escrivã, a idosa passou a gritar com a servidora:

''Eu sento onde quiser, na hora que eu quiser, eu falo do jeito que eu quiser. Se você quiser me prender, pode me prender", disse a idosa.

Matéria continua após a publicidade

Ainda de acordo com a polícia, a escrivã tentou acalmar a senhora, e ao perguntar a ela sobre seu nome, mais uma vez, ficou alterada e desacatou-a novamente.

"Eu não tenho nome. Me chame do nome que você quiser e pode me prender. É desacato? Então me prende, pois eu não vou falar meu nome, porque eu não tenho nome", relata a servidora.

De acordo com a ocorrência, a idosa gritava para chamar a atenção do delegado que foi até o local, e também foi desacatado. Após o corrido, ela alegou sentir-se mal, e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado.

A idosa foi levada para um hospital da cidade. Ela responderá pelos crimes de desacato e lesão corporal recíproca. A sobrinha, também responderá por lesão corporal recíproca.

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos