Evento Pró Bolsonaro em Campo Grande (MS) / Imagem: Dani Campos (Imagem disponível na rede social Facebook)

A tarde deste domingo (30) foi marcada por carreatas organizadas por eleitores do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), em Mato Grosso do Sul. Ao menos 4 cidades tem eventos marcados para a tarde e outras 4 realizaram a passeata com veículos no sábado (29). Em Campo Grande o ato começou a partir das 15h, nos altos da Avenida Afonso Pena.

A organização espera atraiu cerca de 10 mil veículos. Uma das líderes da ação, Sirlei Ratier, explica que, desde a manhã os eleitores já se concentram para realizar panfletagem, informar quem passar no local e vender camisetas.

Matéria continua após a publicidade

“O fato do Bolsonaro estar hospitalizado, faz com que os eleitores assumam sua campanha. Isso está acontecendo em diversas capitais e cidades do interior”, completa Sirlei, ao apontar Dourados, Sidrolândia e Maracaju, como municípios que já realizaram o movimento, e São Gabriel do Oeste que fará uma ação também neste domingo.

Bolsonaro deixou o hospital Albert Einstein no sábado (29) e já está em casa, no Rio de Janeiro. O candidato a presidência pela extrema direita ficou 3 semanas internado no hospital Albert Einstein após sofrer uma facada do abdômen em Juiz de Fora (MG), no dia 6 de setembro.

Capitais como Aracaju, Belém, Brasília, Curitiba, Fortaleza, João Pessoa, Macapá, Maceió, Manaus, Natal, Recife, Salvador, São Paulo, Vitória e Teresina, também aderiram ao movimento há uma semana das eleições. Em Dourados, a 233 km de Campo Grande, o movimento começa às 13h, na Rua Ceper Antenor Martins.

Matéria continua após a publicidade

No sábado (29) um ato organizado por mulheres que declaram voto ao candidato foi realizada nos altos da Avenida Afonso Pena e atraiu, segundo participantes, cerca de 600 pessoas.

Com informações do Campo Grande News.

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos