O homem sofreu ferimentos no tórax e chegou a ser reanimado pelo Samu, mas não resistiu. O motorista e o ônibus são de empresa terceirizada que atende a dupla Jads e Jadson. / Imagem: TV Morena

Um motorista de 55 anos identificado como Alziro de Oliveira Marquiza morreu por volta das 10h desta segunda-feira (29) prensado por um ônibus dentro de uma garagem na Vila Carvalho em Campo Grande (MS). De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, Alziro era motorista de uma empresa terceirizada que presta serviços para a dupla Jads e Jadson.

Segundo o tenente Carlos do Batalhão de Polícia Militar de Trânsito (Bptran) da capital, Alziro e um outro motorista chegaram de viagem e estavam estacionando o ônibus. A vítima ajudava no balizamento quando o ônibus prensou-o contra a parede.

Matéria continua após a publicidade

Alziro sofreu ferimentos graves no tórax, os bombeiros foram chamados e chegaram a fazer os primeiros atendimentos. O Serviço Médico de Urgência (Samu) também foi ao local e as equipes tentaram manobras ressuscitação por mais de 40 minutos, mas ele não resistiu.

O motorista que guiava o ônibus passou pelo teste do bafômetro, que deu negativo. O caso será registrado como homicídio culposo (sem intenção de matar) por condução de veiculo automotor. O empresário da dupla Jads e Jadson disse que a equipe está muito abalada com a tragédia e buscando mais informações para que possam pronunciar-se posteriormente.

Matéria continua após a publicidade

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos