Um homem de 54 anos foi até a delegacia para denunciar a ex-mulher, em Campo Grande. Segundo o registro da ocorrência, ela foi até a casa dele, nessa quarta-feira (26), acompanhada da patroa que se identificou como policial civil.

A suspeita informou que atuava na Casa da Mulher Brasileira, ressaltando que o homem deveria entregar as crianças ou então seria preso “naquele momento”. O homem então, diante as ameaças, entregou as crianças.

Matéria continua após a publicidade

Tempos depois, ele esteve na delegacia e perguntou se alguém conhecia a policial, quando informaram que ninguém tinha conhecimento dela.

O caso foi registrado como usurpação da função pública. A pena varia de três meses a dois anos de detenção, além da multa.

Matéria continua após a publicidade

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos