Comerciantes estão preocupados com a circulação de notas falsas / Imagem: Divulgação

Uma onda de notas falsas que circulou no final de semana em Fátima do Sul, distante aproximadamente 240 quilômetros de Campo Grande, tem preocupado comerciantes e empresários do município. Notas de R$ 10 e R$ 20 estavam nos relatos de alguns comerciantes, que usaram a rede social Facebook para fazerem um alerta sobre as notas falsas.

O primeiro caso, segundo o site Siliga News, ocorreu no sábado, 21, onde um comerciante de Fátima do Sul postou em sua rede social uma nota de vinte reais .Após a postagem, outras pessoas também comentaram relatando que já haviam sido vitimas, ou que presenciaram comerciantes que haviam sido vítimas.

Matéria continua após a publicidade

"Ta cheio de nota falsa aqui em Fátima. Ontem eu vi a menina do caixa chamando os frentistas do posto, pois passaram nota falsa lá também, vamos ficar de olho para não levar golpes". Uma comerciante de Vicentina comentou: "tem nota falsa de 10 reais solta também, passaram uma aqui na minha Farmácia em Vicentina".

Mas os casos não pararam. No dia 22, domingo, outro comerciante de Fátima do Sul postou em seu perfil no Facebook alertando a todos sobre notas falsas. "Vamos ficar 'esperto' galera, não é só de R$ 20 e R$ 50 não, tão passando nota de R$ 10 falsa também".

Para a Polícia Civil, é importante redobrar a atenção e, principalmente, no caso de receber notas falsas, acionar de imediato a Polícia Militar para fazer um termo de entrega das notas ou procurar a Delegacia de Polícia, para assim iniciar um processo de investigação sobre a origem do dinheiro.

Matéria continua após a publicidade

Pena

CP - Decreto Lei nº 2.848 de 07 de Dezembro de 1940

Art. 289 - Falsificar, fabricando-a ou alterando-a, moeda metálica ou papel-moeda de curso legal no país ou no estrangeiro: Pena - reclusão, de três a doze anos, e multa.

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos