Em um ensaio fotográfico das crianças de escola de balé, em Cuiabá, o pai de uma das alunas se vestiu de bailarina para acompanhar a filha que estava com vergonha de ser fotografada. Após a atitude do pai Marcos Vinícius da Costa Chagas, de 34 anos, Mirela Lima Chagas, de 5 anos, participou do book.

As fotos foram tiradas em maio deste ano, mas foram publicadas nessa segunda-feira (3) pela mãe de Mirela, Laura Koslove, e fez sucesso nas redes sociais. A publicação teve quase 200 reações e mais de 90 compartilhamentos.

Matéria continua após a publicidade

Segundo Marcos, a filha dele faz aulas de balé há mais de um ano. No entanto, sempre foi tímida.

“A gente sempre tenta conversar e ajudar ela a se soltar. Ao ver que ela estava com vergonha, pedi uma roupa igual a dela e a equipe me deu. Imediatamente a mãe dela me ajudou a vestir e fui acompanhá-la na sessão”, disse.

Marcos contou que Mirela é muito apegada a ele e que ela ficou feliz com a atitude.

Matéria continua após a publicidade

“Talvez se fosse a mãe dela vestida de bailarina ela não se soltaria tanto. Somos muito próximos. Ela não tem irmãos, então tento substituir essa ausência”, ressaltou.

Em todas as apresentações de Mirela, Marcos disse que está presente, apoiando e incentivando a filha.

“Mirela é minha única filha e vê-la feliz é o mais importante. Passo o dia todo longe dela, mas, quando chego em casa, procuro levá-la no parquinho e passar a maior parte do meu tempo livre brincando ao lado dela”, disse.

Marcos ressaltou que teria repetido a atitude quantas vezes fosse necessário para ver a filha realizada. “Por ela faço qualquer coisa”, finalizou.

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos