Nenhum deles apresentava qualquer agravo clinico / Imagem: Divulgação/Corpo de Bombeiros

Pescadores ficam perdidos em, baía. De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, por volta das 13:00 horas de ontem (15), um homem de 39 anos se dirigiu até o quartel do 3 GBM , e informava que seus dois primos que são pescadores profissionais saíram de noite do dia (14) por volta das 22 horas e diziam que subiriam o Rio Paraguai em busca de peixes.

Segundo o primo, relatou que por volta das 11:00 da manha de ontem recebeu uma ligação dos mesmos dizendo que estavam perdidos dentro da baia do saracura e que já estavam cansados e com fome.Diante da informação recebida e sabendo que a região nesse período esta totalmente alagada e perde-se totalmente as referencias naturais, uma guarnição de salvamento deslocou juntamente com o primo dos pescadores até a localidade que fica uns 55 km subindo o Rio Paraguai(montante).

Matéria continua após a publicidade

Apos 1 hora de navegação os dois pescadores sendo J.M.P 49 anos e E.M.P 40 anos foram encontrados. Os mesmo estavam dentro da baia do saracura e estavam cansados e nervosos por causa da situação, nenhum deles apresentava qualquer agravo clinico e relataram que se deram conta que se perderam quando amanheceu quando viram que a informação de que haviam muitos  peixes não era verdadeira e tentaram buscar a saída da baia, porem com a cheia os trechos que dão acesso a baia com o movimento das águas acumulam muitos camalotes e muda a configuração da paisagem confundindo e desorientando a navegação e começaram a navegar em círculos ou seja voltando sempre pro mesmo lugar mesmo não querendo.

Os pescadores seguiram a guarnição até a "boca" da baia e retornaram ao leito do rio Paraguai onde foram escoltados e trazidos até o Porto geral. Os pescadores alegaram que não haveria necessidade de atendimento da viatura de resgate e seguiram com familiares para a sua residencia.

Matéria continua após a publicidade

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos