Corumbá (MS) Terça-feira (21/08) - A equipe de Força Tática quando em rondas ostensivas pela cidade de Corumbá por volta das 16h00, recebeu a informação de um veiculo modelo fusca de cor azul que teria sido furtado na rua Cuiabá no dia 19 de Agosto do corrente ano, estava escondido em uma residência no bairro Aeroporto na Rua Joaquim Venceslau de Barros.

De posse das informações a equipe policial ao chegar no local se deparou com o veiculo estacionado na varanda de uma residência. Segundo informações de populares, o responsável pelo imóvel morava em uma fazenda e que teria deixado a casa aos cuidados do irmão (53) sendo não localizado no recinto.

Matéria continua após a publicidade

O veiculo foi encaminhado até a Primeira Delegacia de Policia Civil pela equipe policial e pela proprietária que compareceu no local e reconheceu o respectivo veiculo. No deslocamento até a delegacia, a equipe policial foi abordada por uma mulher que informou ser filha do proprietário da residência, e informou que a casa fica aos cuidados de seu tio, e quem deixou o carro na residência teria sido o genro juntamente com sua filha.

Em ato continuo no deslocamento o autor foi localizado na Rua Edu Rocha esquina com Rua Joaquim Venceslau de barros sendo abordado e revistado e nada de ilícito foi encontrado. Ao ser questionado sobre o carro em sua residência, e este confirmou que na data de ontem por volta das 22h seu genro juntamente com sua filha deixaram o veiculo e disseram que voltariam na semana que vem para buscá-lo, o individuo foi encaminhado para Primeira Delegacia de Polícia Civil para providências.

Matéria continua após a publicidade

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos