Um professor de 48 anos é procurado suspeito de importunação sexual a pelo menos cinco adolescentes, em Ponta Porã, a 326 quilômetros de Campo Grande. De acordo com a Polícia Civil, ele dizia ser também terapeuta levava as meninas para a casa dele e lá tocava nelas e fazia perguntas de cunho sexual.

Matéria continua após a publicidade

Conforme a polícia, o professor começou a ser investigado após a denúncia de uma das vítimas. Depois dela, outra garota o denunciou. Estas duas não eram alunas diretas do professor. Há ainda em investigação outros três casos contra ele em investigação.

Matéria continua após a publicidade

Após as denúncias, a Delegacia de Atendimento à Mulher pediu a prisão do professor, sendo decretada pela Justiça na noite de quinta-feira (27). Policiais foram até a casa dele, sendo verificado que ele não mora mais no local.” Sendo portanto considerado foragido da Justiça”, fala a delegada Marianne Cristine de Souza.

A polícia pede para pessoas que tenham sido vítimas do professor procure a DAM para denunciá-lo, sendo garantido o sigilo.

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos