O aluno é o núcleo do processo educativo. É a partir dele e para ele que toda a educação é pensada. Infelizmente, este aluno tem protagonizado cenas de horror nas escolas, através da manifestação da indisciplina explícita.

Boa parte dos alunos da atualidade perdeu o foco dos estudos e mira um norte divergente daquele apontado pela educação; talvez por esperarem algo diferente da escola, talvez pelos ensinamentos da sociedade das ilimitações, talvez pelo fracasso da família, ou ainda pela “inadequação” da escola. 

Matéria continua após a publicidade

São vários os fatores que apontam para uma possível crise nas salas de aula das nossas escolas: professores estressados, alunos descrentes e desacreditados, ensino falido, violência física e psicológica, grande número de reprovação, evasão etc. Esses são fatores interligados entre si, ou seja, o aumento de um ocasiona o aumento do outro. 

Para tanto, o projeto "Disciplinando nas escolas" vem tentando resgatar o bom comportamento de alunos das escolas de Ladário e Corumbá. O projeto, que é uma parceria das Secretarias Municipais de Educação de ambos os municípios com a Polícia Militar, sobretudo através da figura do idealizador, o cabo da Polícia Militar de Ladário, Marcelo Augusto dos Santos Barcellos (43), vem demonstrando bons resultados através de atividades que resgatam conceitos de civismo, sociabilidade, ética e patriotismo entre os alunos. 

Barcellos também desenvolveu há dois o projeto chamado "Civismo no Bairro" que visa levar ao público jovem conceitos de respeito aos valores sociais, familiares, além de atividades físicas e, futuramente, aulas de informática. Inconformado com o envolvimento de crianças e adolescentes na criminalidade, Barcellos busca soluções educativas e de impacto social na cidade. 

Matéria continua após a publicidade

Conforme Barcellos:

Se ensinarmos os bons conceitos para as crianças, desde cedo, ela crescerá uma pessoa de bem. O respeito e o carinho com o professor deve ser resgatado, e nós realizamos isso através de atividades que buscam disciplinar e garantir ao aluno o conhecimento do civismo, que nada mais é do que práticas fundamentais para a vida coletiva, visando preservar a harmonia e melhorar o bem-estar de todos.

Cabo Barcellos
Tenente Coronel Massilon de Oliveira Silva Neto / Imagem: Ricardo Albertoni

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos