Em Corumbá- chuvoso durante o dia e a noite. Mínima 20° e máxima 25

A nova frente fria que avança sobre o centro-sul do Brasil vai mudar o tempo em Mato Grosso do Sul nos próximos dias. A passagem da frente fria vai provocar um pouco de chuva, mas principalmente uma acentuada queda da temperatura no primeiro fim de semana de junho. O frio volta, depois de dias muito quentes, mas a chance de novos recordes é baixa.

Chuva e frio em Mato Grosso do Sul

Matéria continua após a publicidade

O tempo muda em todo o Mato Grosso do Sul nesta sexta-feira. A nova frente fria provoca aumento de nebulosidade em todas as regiões do estado e há previsão de chuva para quase todas as regiões. Não deve chover no nordeste de Mato Grosso do Sul, região próxima a Goiás. Para Campo Grande e locais no centro e leste do estado, a expectativa é de que as pancadas de chuva ocorram à tarde ou à noite. Já no oeste e sul de Mato Grosso do Sul, áreas próximas da fronteira com o Paraguai, a previsão é de chuva na maior parte do dia.

Queda da temperatura

A frente fria traz chuva e também o vento frio de origem polar. Por isso, a temperatura já começa a baixar nesta sexta-feira em todo o Mato Grosso do Sul. A população do oeste e sul do estado volta a sentir frio. Em Campo Grande e nas outras áreas do estado, o ar refresca, o calor diminui em relação aos últimos dias.

Matéria continua após a publicidade

Fim de semana de inverno

É no fim de semana que o ar frio polar entra forte sobre o Mato Grosso do Sul e faz a temperatura cair ainda mais. O primeiro fim de semana de junho será com jeito de inverno!

O sábado será com predomínio de céu nublado no estado e pode garoar inclusive em Campo Grande. A sensação de frio já será grande no sábado e persiste no domingo, mesmo com o sol reaparecendo. O domingo amanhece frio em todo o Mato Grosso do Sul e pode ocorrer a formação de nevoeiro (neblina) por causa da baixa temperatura e da umidade no ar ainda elevada. O fenômeno pode se formar também em Campo Grande. O nevoeiro reduz a visibilidade nas estradas e nos aeroportos.

Sem recordes

Vai esfriar bastante em Mato Grosso do Sul no fim de semana e a próxima semana também será fria, mas a temperatura não deve bater novos recordes. O frio desta vez não será mais intenso do que aquele que ocorreu entre os dias 18 e 22 de maio.

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, a menor temperatura em 2018 em Campo Grande foi de 6,0°C, em 20 de maio. A tarde mais fria do ano, com a menor temperatura máxima, foi a do dia 20 de maio, quando a máxima foi de 20,8°C.

Na terça-feira, 5 de junho, um pouco mais de ar polar deve entrar sobre o Mato Grosso do Sul, o que vai impedir uma grande elevação da temperatura, mesmo com  a presença do sol na maior parte do dia. A próxima semana também será fria no estado

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos