O ufólogo Urandir Fernandes, que volta e meia aparece envolvido em polêmicas, teve aprovada pela Câmara Municipal da Capital a outorga de título de cidadão campo-grandense, conforme publicado nesta sexta-feira (12) do Diário Oficial do Legislativo. A homenagem foi concedida pelo vereador Dr. Antonio Cruz (PSDB).

Matéria continua após a publicidade

Urandir ficou nacionalmente conhecido após aparecer na televisão, em rede nacional, apresentando um suposto extraterrestre chamado Bilú, que estaria na comunidade que ele gerencia, no município de Corguinho – a comunidade foi nomeada Cidade Zigurats. A principal frase do ET Bilú era “busquem conhecimento”.

Na comunidade, também conhecida como Projeto Portal, moram várias pessoas seguidoras de Urandir e de seus ensinamentos, o que gera grande polêmica, principalmente quando o pesquisador é confrontado por outros ufólogos, como Ademar Gevaerd, que morou por vários anos em Campo Grande e edita a Revista UFO.

Matéria continua após a publicidade

Entre as pesquisas de Urandir, que tem 53 anos e é nascido no interior de São Paulo, está a de que o planeta Terra não é redondo, e sim convexo. Em 2018, ele também recebeu homenagens de deputados estaduais e foi alvo de carta de repúdio de Gevaerd. A situação virou motivo de piada entre a população.

As controvérsias de Urandir não param por aí. Em 2009, chegou a ter problemas com a polícia por suspeitas de estelionato e falsidade ideológica, além de curandeirismo e charlatanismo. O ufólogo mantém há 22 anos a Associação Dakila de Pesquisas, onde afirma fazer estudos em várias áreas, como genética e astronomia.

A reportagem tentou contato telefônico com o vereador para ouvir um posicionamento sobre a homenagem, mas obteve êxito. O mesmo ocorreu com a assessoria de imprensa da Câmara. A data que será entregue a homenagem ainda é incerta.
Justificativa do vereador

Conforme a justificativa apresentada no decreto legislativo por Antonio Cruz, Urandir merece receber o título de cidadão campo-grandense pois foi aqui que fundou a Dakila, tendo, segundo a publicação, 4,5 mil sócios e outros 9 milhões de participantes espalhados mundo à fora. Ele também seria um empresário que beneficia a cidade.

No caso, ele é apontado como presidente do grupo empresarial BKC Brazilian Kimberlyte Clay, que atuaria na construção civil, área de cosméticos e farmacêutica. Uma de suas marcas, a Kion Cosmetics, seria reconhecida mundialmente e usa como ativo principal da composição a argila vermelha, encontrada em Mato Grosso do Sul.

Atualmente, Urandir manteria um quiosque no Shopping Campo Grande e em breve deve abrir outra loja física, Shopping Market Place, em São Paulo (SP). Cruz também indica que ele foi condecorado ano passado pela Abfip (Associação Brasileira das Forças Internacionais de Paz).

Além disso, é revelado que em março deste ano o ufólogo palestrou para vereadores, em evento da União de Vereadores no TCE (Tribunal de Contas do Estado), onde mostrou-se aberto para realizar parcerias com lideranças políticas e empresariais, tendo recebido o Troféu Nelson Trad no evento Golden Night.

Já em abril, Cruz frisa que Urandir recebeu a Medalha Tiradentes, homenagem que o Comando da Polícia Militar do Mato Grosso do Sul oferece anualmente para várias pessoas por seus serviços prestados à sociedade. No mesmo mês, recebeu o troféu Destaque 2019 na Marcha Nacional dos Vereadores, em Brasília (DF).

Dê sua opinião, comente esta matéria!

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.

Já leu?

Leia nossos Artigos