O Verdadeiro NewBorn Americano!

Faça já as fotos do seu bebê !!!

Conheça o Studium A

Sobre o Jornal:

O Correio da Manhã é um jornal sul-mato-grossense criado em 2015, originalmente sob o nome de MS Diário, sendo um produto da agência de comunicação e marketing digital - Avantiz. Todos os direitos das matérias publicadas pertencem aos seus respectivos autores.

Fone e WhatsApp

(67) 99199-2448

Nosso E-mail

[email protected]

Geral CE 09/Outubro/2021 / Última edição às 11:50:08

A partir deste sábado litro da gasolina deverá custar R$ 6,68 em MS

A Petrobras anunciou na sexta aumentos de 7,2% nos preços da gasolina e do gás de cozinha em suas refinarias.


O litro da gasolina deverá custar R$ 6,68 em Mato Grosso do Sul a partir de amanhã (9) de acordo com diretor-executivo do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo e Lubrificantes de MS (Sinpetro), Edson Lazarotto.

“A gasolina será reajustada pela décima vez, o reajuste foi na ordem de 7%, esse reajuste já está implantado nos portais de vendas das distribuidoras, portanto, a partir de amanhã (9), dependerá de cada revendedor, cobrar ou não o reajuste, pois o mercado é livre, poderá ser repassado na sua totalidade ou parcialmente”, informou.

Segundo a estatal, o litro da gasolina vendida por suas refinarias passará de R$ 2,78 para R$ 2,98, um reajuste médio de R$ 0,20. Em nota, a empresa destacou que é o primeiro aumento em 58 dias.

Já o quilo do gás de cozinha passará de R$ 3,60 para R$ 3,86, alta de R$ 0,26. Assim, os 13 quilos necessários para encher um botijão custarão na refinaria o equivalente a R$ 50,15.

Segundo a estatal, os reajustes “refletem parte da elevação nos patamares internacionais de preços de petróleo, impactados pela oferta limitada frente ao crescimento da demanda mundial, e da taxa de câmbio, dado o fortalecimento do dólar em âmbito global”.

No último dia (02) a pesquisa da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP)constatou que o litro da gasolina estava custando em média R$ 6,53 em Mato Grosso do Sul, de acordo com a agência, esse foi o maior preço médio já registrado na série histórica medida pela agência.

O maior valor praticado atualmente no Estado, conforme o levantamento da ANP, é em Corumbá, onde a gasolina chega a R$ 6,53. O litro varia entre R$ 6,45 e R$ 6,53, média de R$ 6,51.

Comente esta matéria

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.