O Verdadeiro NewBorn Americano!

Faça já as fotos do seu bebê !!!

Conheça o Studium A

Sobre o Jornal:

O Correio da Manhã é um jornal sul-mato-grossense criado em 2015, originalmente sob o nome de MS Diário, sendo um produto da agência de comunicação e marketing digital - Avantiz. Todos os direitos das matérias publicadas pertencem aos seus respectivos autores.

Fone e WhatsApp

(67) 99199-2448

Nosso E-mail

[email protected]

Geral Redação 07/Abril/2021 / Última edição às 12:17:41

Jornalistas de MS devem entrar na próxima leva de pessoas a serem imunizadas no Estado

Secretaria Estadual de Saúde de Mato Grosso do Sul, vai incorporar os jornalistas nos grupos prioritários para receber a vacina contra a Covid-19.


Por solicitação do Sindjor-MS e Sinjorgran, a Secretaria Estadual de Saúde de Mato Grosso do Sul, vai incorporar os jornalistas nos grupos prioritários para receber a vacina contra a Covid-19.

As entidades enviaram ofício à SES, solicitando a vacina para 1,2 mil profissionais de MS.

O Secretário de Saúde Geraldo Resende anunciou durante live desta quarta-feira (07), que a categoria deve entrar já na próxima leva de pessoas a serem imunizadas no Estado. Segundo o secretário, a resolução deve ser publicada amanhã.

Boletim SES

De acordo com os números do Boletim Covid-19, o Estado registrou mais 1.488 novos casos elevando o total para 224.697 mil pessoas infectadas pelo coronavírus. A média móvel indica 1.300 novos casos por dia na ultima semana. O número de mortes registradas foi de 59, elevando para 4.630 o total de óbitos em todo Estado. A taxa de letalidade foi para 2,1 e a média móvel está em 50,4.

Os cinco municípios que apresentaram maior número de novos casos são: Campo Grande com 293 novos exames positivos; Três Lagoas +283; Dourados +153; Paranaíba +99 e Brasilândia +44.

A capital registrou 22 mortes, Três Lagoas 11; Ponta Porã 4; Itaquiraí 3; Aquidauana, Corumbá, Ribas do Rio Pardo e são Gabriel do Oeste registram 2 óbitos cada. Bonito, Nova Andradina, Brasilândia, Coronel Sapucaia, Camapuã, Dourados, Cassilândia, Jaraguari, Naviraí, Paranaíba e Sidrolândia tiveram uma perda em cada cidade.

Estão em isolamento domiciliar 15.054 pessoas e 1234 se encontram hospitalizadas. São 700 pacientes em leitos clínicos (441 públicos e 259 privados) e 534 em UTI (382 públicos e 152 privados). Foram recuperados 203.779 pacientes. A ocupação de leitos hospitalares nas cinco macrorregiões continua crítica. Na macrorregião de Campo Grande é de 103%; Dourados 95%; Três Lagoas 92%; Corumbá 92%.

Comente esta matéria

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.