O Verdadeiro NewBorn Americano!

Faça já as fotos do seu bebê !!!

Conheça o Studium A

Sobre o Jornal:

O Correio da Manhã é um jornal sul-mato-grossense criado em 2015, originalmente sob o nome de MS Diário, sendo um produto da agência de comunicação e marketing digital - Avantiz. Todos os direitos das matérias publicadas pertencem aos seus respectivos autores.

Fone e WhatsApp

(67) 99199-2448

Nosso E-mail

[email protected]

Geral Ana Santos 22/Outubro/2021 / Última edição às 17:00:08

Procissão Fluvial de Nossa Senhora dos Remédios é cancelada

Evento está cancelado em virtude de alerta de condições meteorológicos pelo INMET.


Na tarde de hoje (22), a Marinha do Brasil, por meio do Comando do 6o Distrito Naval (Com6oDN), comunicou em nota e em comum acordo com a Paróquia Nossa Senhora dos Remédios, Padroeira de Ladário, que a Procissão Fluvial de Nossa Senhora dos Remédios, que estava prevista para amanhã (23), foi cancelada.

De acordo com a nota, a procissão foi cancelada em virtude de alerta de condições meteorológicas emitido pelo Instituto Nacional de Metereologia (INMET).

Conforme a previsão assinada pela coordenadora do Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima, Valesca Fernandes indica que entre a sexta-feira (22) a noite e domingo (24) há probabilidade de chuvas com tempestades acompanhadas de raios, rajadas de vento entre 50km/h a 100Km/h.

Nossa Senhora dos Remédios

Na festa em homenagem a Santa, uma das atrações mais aguardadas é a tradicional Procissão Fluvial, que representa à reprodução da chegada da imagem na cidade de Ladário, no ano de 1895, através do Capitão- Tenente, José Raymundo de Souza Lobo.

Em seu livro “Sopa Paraguaia”, o escritor e poeta ladarense João Lisbôa Macêdo conta que a história de devoção começou com o capitão-tenente Souza Lobo, que deu a imagem de presente à cidade.

Até ali, a estatueta, de origem espanhola, modulada em gesso, trazida para Ladário em 1895, ficava na capela do Arsenal da Marinha.

Sua história de amor, fé e afinidade espiritual está ligada ao município, atraindo peregrinos vindos de todos os lugares para comemorar seu grande dia. Incorporada ao cotidiano dos católicos de Ladário, a santa é representada no Brasão Municipal por meio de duas flores de lis. Só em 2015, em torno de 25 mil fiéis, passaram pela Pérola do Pantanal, nos doze dias de festa.

Comente esta matéria

ATENÇÃO: Os comentários desta matéria são gerenciados pelo Facebook - que posta, agrega os comentários e os exibe nesta página. Este site não se responsabiliza por qualquer comentário indevido, feito à qualquer pessoa ou instituição - sendo cada comentário, de inteira responsabilidade dos seus respectivos autores e as denúncias deverão ser encaminhadas diretamente ao Facebook.